Apresentação da Demonstração do Resultado do Exercício – DRE e sua importância

As demonstrações contábeis são relatórios estruturais utilizados pela contabilidade, para apresentar perante o fisco e os gestores a situação financeira da empresa ao fim de cada exercício. As demonstrações devem evidenciar com clareza a situação do patrimônio da companhia e as variações ocorridas no período. Uma das principais demonstrações contábeis é a DRE – Demonstração do Resultado do Exercício, instituída pelo artigo 187 da Lei 6.404/1976 (Lei das Sociedades Anônimas).

A DRE tem por destinação, demonstrar a formação do resultado líquido, confrontando receitas, custos e despesas, obedecendo ao Regime de Competência. A apuração do lucro ou prejuízo de uma empresa é comprovada na demonstração, extraindo das receitas e os ganhos do período independentes de seu recebimento, os custos, despesas, encargos e perdas incorridos.

O objetivo do documento é fornecer os principais dados na formação do resultado, lucro ou prejuízo. Ele detalha cada passo que compõe o resultado gerando informações significativas para as tomadas de decisões. Assim como o Balanço Patrimonial e o Demonstrativo de Fluxo de Caixa, a Demonstração do Resultado é um dos relatórios imprescindíveis para a gestão e de suma importância para avaliar a saúde financeira de uma empresa, não importando seu porte ou área de atuação. Com a DRE a empresa pode avaliar sua capacidade de gerar lucro ou quando necessário realizar modificações a fins de melhorar seus resultados.

A demonstração do resultado é uma peça fundamental do ponto de vista de gestores, investidores e analistas, pois ela revela como o lucro (ou prejuízo) se constituiu, e, portanto, também expõe a eficiência da empresa em gerar resultados. Ao analisar a demonstração do resultado é possível detectar quais são os pontos-chaves para que uma entidade consiga gerar lucro, bem como os pontos críticos em momentos de dificuldades. Por meio dela, os profissionais conseguem identificar como a empresa está gerando receitas, qual a participação dos custos nessas receitas e, ainda, quais tipos de despesas estão ocorrendo na instituição.

Assim, a apuração do resultado mede a eficiência da empresa, colocando em uma única demonstração as receitas auferidas, os custos e as despesas utilizadas.

Análises da Demonstração do Resultado do Exercício – DRE

Existem algumas possibilidades para aproveitar os potenciais da Demonstração do Resultado do Exercício, embasando as tomadas de decisões e alavancando a geração de resultados de uma empresa.

A DRE possui dois tipos de análises, vertical e horizontal, em que se analisam o que é esta demonstração, como se operacionalizam e, ainda, como ela pode ser utilizada para ajudar a entender a situação em que uma empresa se encontra no momento da análise e o que mudou nos números contábeis da empresa ao longo do período em questão.

As análises verticais e horizontais são técnicas de estudo de dados que tem por objetivo a obtenção de informações estratégicas para uma instituição. Assim, por meio de levantamentos e comparações, é possível identificar os ônus e bônus no período estabelecido.

A análise vertical ajuda a verificar quanto, percentualmente, cada conta de Custos ou Despesas representa quando comparada a Receita Bruta. Com a Análise Vertical, o gestor pode monitorar ao longo do tempo se os percentuais permanecem estáveis de acordo com o esperado. Não obstante, consegue identificar quais os principais itens que estão impactando os resultados (além do que deveriam) e realizar os ajustes necessários.

Na análise vertical da demonstração do resultado, é possível identificar as margens de lucratividade; isso significa que, ao comparar o lucro bruto com a receita, está se calculando o quanto (%) da receita bruta virou lucro bruto: trata-se da margem bruta de rentabilidade.

A análise horizontal, por sua vez, compara os valores de uma demonstração em determinado exercício social com a demonstração contábil em exercícios anteriores. Essa análise mostra como está ocorrendo a evolução de cada item ou conjunto de itens constantes dos demonstrativos no decorrer dos tempos.

Por meio da análise horizontal é possível identificar e analisar o desempenho na gestão de determinadas áreas das instituições, bem como os crescimentos e diminuições das atividades, haja vista que se pode analisar o que aconteceu com cada item das demonstrações contábeis ao longo do tempo.

A interpretação dos dados concluídos permite alcançar uma análise importante para a tomada de decisão. Quanto mais informações forem filtradas, maior é a chance de o gestor conseguir elaborar um planejamento financeiro eficiente. Com isso, a empresa conquista maior competitividade e destaque diante a concorrência. O resultado da análise é o melhor crescimento para o desenvolvimento econômico da organização. Concluindo assim, que os demonstrativos financeiros, como a DRE, fornecem boas análises para que o empreendedor possa tomar decisões quanto ao seu negócio.


REFERÊNCIAS

-BORINELLI, Márcio Luiz; PIMENTEL, Renê Coppe. Curso de contabilidade para gestores, analistas e outros profissionais. São Paulo: Atlas, 2010.

– BRASIL. ARTIGO 187 LEI Nº 6.404, DE 15 DE DEZEMBRO DE 1976. Dispõe sobre as sociedades por ações, Brasília/DF. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l6404compilada.htm>. Acesso em: 19 jun.2018.

-CPC 26 (R1) – Apresentação das Demonstrações Contábeis.

-FERREIRA, Ricardo J. Contabilidade Básica. 9. ed. Rio de Janeiro: Ferreira, 2012.

-IUDÍCIBUS, Sérgio de; MARTINS, Elise; GELBCKE, Ernesto Rubens; SANTOS, Ariovaldo dos. Manual de Contabilidade Societária. 1. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

-SEVERO, Mitiely Suan da Silva; HAAS, Gabriela. Análise gerencial das demonstrações contábeis e financeiras da empresa Stadtbus Transportes Ltda.

-https://www.treasy.com.br/blog/dre-demonstrativo-de-resultados-do-exercicio/

-https://blog.financas360.com.br/analise-horizontal-e-vertical-da-dre-aprenda-a-comparar-os-resultados/


Departamento contábil:

Alice Melo Rodrigues
Carolyne Morais Martins
Priscilla Ferreira Batista
Ivete Soares Fonseca Brandão

Deixe uma resposta